Maio 2012

Robalos de Komomo

por Armando Sousa » 15 mai 2012, 14:43

Domingo fui pescar, tinha pouco tempo pois os compromissos com a família estavam marcado para bem cedo mas mesmo assim fui um par de horas, o dia estava com razoáveis condições para spinnar, embora a agua estivesse muito cristalina a ondulação de 0.8 e ausência de vento eram um bom sinal.

Encontrei-me com o meu amigo João Pinho para um café, antes de começar a pescar, onde metemos a conversa em dia, falava-mos da pescaria de sábado, onde no meio de 3 cachotes sem medida saiu uma truta marisca para cima de 1kg ao meu amigo Paulo, a surpresa foi tal que a truta se pirou, ainda tentei deitar-lhe a mão mas ela foi-se e nem uma foto nos deixou, foi pena, eu disse logo para o meu amigo…”olha olha, vai um gajo p’ro Minho gastar

tanta gasolina e elas andam por aqui, esta foi boa”, mais curioso é a malta no Minho se chatear por a capitania colocar uma medida mínima nas amostras que são 7cm, pois bem esta linda truta saiu com uma saltiga 14 na cor sardinha, tem o dobro da medida mínima do Minho.

Voltando a domingo o mar não mexia muito e com as águas assim lusas ia ser difícil, o peixe fica mais desconfiado e assusta-se facilmente, ainda por cima com o tempo tomado só iria puder pescar até as 8:30.

Comecei por pescar com uns vinis, mas nem os deixei aquecer, ao fim de alguns lançamentos decidi mudar para amostras e colocar uma Ima Komomo Slim 130 na ponta la linha, olhei para ela e como que em jeito de feeling disse “estás com vontade, mmm ok vai lá!” e lá foi ela a banhos.

O sol estava ainda a querer romper o horizonte, a luz era fraca, a temperatura da água subiu e eles podiam andar mais à superfície (mas não me agradou meter um passeante), a Komomo 130 slim é uma shalow muito leve, tem apenas 12gr que lança bem sem vento, precisa de mar mais calmo para trabalhar bem, o W&R é muito atractivo, para não dizer fatal, é das amostras que tem o trabalhar que mais me agrada, pena é que não aguente muito mar e só dê para dias assim, mas menos mal, assim já tem a sua função bem especificada!!!

Estava a usar a cor KS020 e ao fim de dois lançamentos, zásssss peixe ferrado, a amostra tinha funcionado bem, a escolha tinha sido acertada!

O peixe era um bom lutador, dava para ver que nem era grande nem pequeno, mas era bravo, lutava bem e ao fim de uma boa luta o peixe estava a seco.

Um robalo com 43cm, nos dias que correm já não era nada mau, a grade já não ia para casa e lá continuei a minha pesca.

Mais uns lances e decido mudar de local, ainda penso em mudar de amostra mas pensei “naaaa, esta a dar, deixa ver”!!!

Começo a lançar, uma, duas e zásss outro robalo, como o primeiro, a mesma luta, ele estava chateado, talvez por ter acordado tão cedo ou por ter-lhe estragado o pequeno almoço, era bravo e dava umas boas cabeçadas, trouxe o robalo até mim, a manhã estava a correr bem.

Era ligeiramente inferior ao primeiro, 40 cm de robalo cheio de força, ferrado pela boca e barriga onde a fateixa cravou e rasgou deixando um golpe profundo que muito provavelmente não deixaria viver aquele robalo, por isso a decisão foi não devolver!!!

armando sousa robalo

O dia continuou, mudamos de pesqueiro, andamos de pedra em pedra e voltamos à base onde ainda deu para ferrar ainda com a mesma Komomo mais um cachote com pouco mais de 30 cm devidamente devolvido ao mar.

Foi um início de manhã sem grandes exemplares mas com a adrenalina das capturas, sempre em boa companhia e com muita diversão, a final a pesca é mesmo isso!!!

Ficha Técnica:
Cana: Shimano Aspire Seabass 270H
Carreto: Shimano TwinPower Ci4 4000 SFA
Multi: Sufix 832 0,15
Terminal: Seaguar Ace 0,40

Amostra: Ima Komomo Slim 130 – KS020

Facebooktwittergoogle_plus

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *